Indicações

5 livros para ler no Halloween

Olá abduzidos, tudo bem com vocês?

O Halloween está próximo e nós já entramos no clima. O post de hoje é especial, porque eu e o Rogério, colaborador do blog, nos juntamos para recomendar livros que têm tudo a ver com essa data. Particularmente, não sou expert em livros dos gêneros de terror ou suspense, o que já não é o caso do Rogério, mas nós nos esforçamos para trazer as melhores dicas pra vocês.

Joyland#1  Joyland, Stephen King (Gisele) | Resenha

Após ter o coração partido pelo seu primeiro amor, Devin Jones vai passar o verão trabalhando em Joyland, um parque de diversões. Por mais que sua ex-namorada não saia de sua cabeça, além do trabalho exaustivo no parque, Devin começa a ocupar sua mente com outra garota: Linda Gray. Vítima de um assassinato perverso em um dos brinquedos do parque, muitos alegam ter visto o espírito da garota no Horror House, uma espécie de trem fantasma. Comovido, Devin começa a juntar algumas peças, e quando menos percebe, se vê envolvido numa investigação à procura do assassino, que também pode ser um serial killer.

Joyland foi a minha leitura temática de outubro deste ano. Como já finalizei o livro e gostei bastante, não poderia deixar de indica-lo aqui. Com um clima nostálgico em razão da presença do parque de diversões, King oferece, através de uma leitura fluida e divertida, uma história à lá sessão da tarde. Esse é o livro mais leve que li do autor até então, por isso indico a todos que preferem uma leitura mais tranquila e alegre, mas claro, com momentos que causam arrepios.

O ColecionadorO Colecionador, John Fowles (Rogério)

“O Colecionador” é o primeiro livro de John Fowles, escrito em 1963. O romance narra a história de Frederick Clegg, um funcionário público que coleciona borboletas e, subitamente, se torna dono de uma fortuna. Ele então passa a ter uma ambição: sequestrar a bela Miranda, seu amor platônico. A trama se desenvolve com a disformidade da personalidade de Clegg, que tem a seu favor apenas a superioridade de força, contra a vitalidade e inteligência de Miranda que, contando com sua superioridade de caráter, confunde e ofusca o medíocre sequestrador.

Esse é o tipo de livro que você precisa estar preparado psicologicamente para ler. Fowles explora em seu antagonista o que há de pior se tratando de uma doente mente humana. Nesse suspense que fala sobre o amor doentio, obsessivo e um tanto quanto peculiar, o autor guia o leitor numa jornada explorando temas como sociopatia e Síndrome de Estocolmo.

Frankenstein, ou o Prometeu ModernoFrankenstein, ou o Prometeu Moderno, Mary Shelley (Gisele) | Resenha

Frankenstein é um romance epistolar, com histórias dentro de histórias. Através de cartas, Robert Walton relata à sua irmã Margaret todas as suas aventuras explorando as águas do Norte. Até que um dia as coisas fogem da normalidade quando ele se depara com uma criatura, que mesmo de longe, desperta seu horror. Pouco tempo depois, ele topa com um homem debilitado, precisando de ajuda. Enquanto se recupera junto à tripulação, o homem decide desabafar e contar sua história para Walton. Este é nada mais nada menos que Victor Frankenstein à procura de sua criação monstruosa.

Como um dos monstros mais famosos da cultura popular, Frankenstein tem sua figura marcada no Halloween. Mas a criatura criada por Mary Shelley nada tem a ver com suas representações lentas e desprovidas de inteligência. Se deseja saber a verdade sobre Frankenstein, nada melhor do que se aventurar neste clássico no dia das Bruxas.

DesesperoDesespero, Stephen King (Rogério)

A rodovia 50 é conhecida como a autoestrada mais solitária dos Estados Unidos. Atravessando o deserto sob um calor brutal, seguem pela rodovia pessoas que talvez jamais cheguem a seu destino. Como o professor Jackson e sua mulher, que estão voltando para Nova York; ou a família Carver, de Wentworth, Ohio, que segue para férias no Lago Tahoe. E como John Marinville, uma fera literária montada em sua legítima Harley-Davidson. Um gato morto espetado na placa que indica a cidade de Desespero revela que há algo de estranho acontecendo na rodovia. Algo macabro, que nenhum deles seria capaz de supor. A figura de Collie Entragian, um policial gigante, é mais um indício de que o caminho que leva a Desespero não é o que se poderia desejar. Para Entragian, ele é a única lei da região, o juiz implacável. E é preciso uma boa dose de coragem para duvidar de suas palavras. Uma influência demoníaca domina a cidade como um vírus e é preciso que surja o quanto antes uma força capaz de detê-la.

Poderia indicar aqui as obras mais conhecidas do Stephen King, como: It, A Coisa, O Iluminado, Cemitério, Cujo… Mas tentando sair do óbvio, indico Desespero porque a história me pegou de surpresa com seu trama angustiante e claustrofóbica. Nada como se aventurar entre páginas em que o ambiente é uma pequena cidade no deserto norte americano assolada por um espirito maligno capaz de dizimar sua população e quem passe por ali.

DráculaDrácula, Bram Stoker (Gisele)

Assim como Frankenstein, Drácula também é um romance epistolar. Porém, aqui temos acesso a cartas, diários e notícias de jornais de diversos personagens diferentes. Tudo começa quando Jonathan Harker, um jovem advogado inglês, precisa ir à trabalho até a mansão do conde Drácula na Transilvânia. Toda a atmosfera do lugar gera estranheza e causa muitos arrepios, mas o ponto alto da experiência se dá ao excêntrico anfitrião. Além do sumiço de Jonathan, outros acontecimentos incomuns direcionam um grupo de homens liderados pela experiência do Dr. Van Helsing e a perspicácia de Mina Harker, a noiva de Jonathan, até Drácula, com a intenção de confrontar todas as coisas ruins que a criatura promove.

E para encerrar nossas recomendações com estilo, um ícone. Com Drácula, Bram Stoker popularizou a imagem do vampiro que tanto conhecemos e vemos até hoje presente em diversas mídias. O romance é muito bem construído, contato com maestria através de relatos escritos de personagens marcantes. O clássico é a leitura perfeita para o Halloween, porque além de conhecer o vampiro mais famoso da cultura popular, você também irá se envolver em uma trama cercada de mistério e muito horror.


O que acharam das recomendações? Espero que tenham gostado. Tentamos colocar um pouquinho de tudo aqui, clássicos, leituras mais leves e outras de arrepiar. Conta pra gente o que você preparou para ler neste Halloween! 😉

5 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *